Logo ADESG

ADESG Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra

Administração Nacional - RJ

Menu Principal

13:15

Menu Lateral

Você está em: ADESG » Notícias » Geral » Saúde » Visualizar notícia:

Diminuir FonteAumentar Fonte

ADESG - Saúde Mental: Ministério da Saúde e Estados discutem estratégias de enfrentamento às drogas

Saúde Mental: Ministério da Saúde e Estados discutem estratégias de enfrentamento às drogas

O enfrentamento ao álcool, ao crack e a outras drogas tem sido o tema central de reuniões entre o Ministério da Saúde e autoridades de diversos estados do País. O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, já recebeu representantes de São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Bahia e Pernambuco – regiões tidas como estratégicas para conter o avanço das drogas. De acordo com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, as novas medidas vão destacar a integração dos serviços, desde a atenção básica, que inclui atendimento de rua, passando pelas Casas de Acolhimento Transitório, até os hospitais, para tratar casos mais complexos.

"Nós apostamos na ideia que a rede de saúde tem que ter serviços diferentes para situações diferentes que a pessoa que é dependente de drogas tenha ao longo do tratamento. A ideia de ter só um tipo de serviço é fadada ao fracasso porque você tem relações diferentes das pessoas com as drogas, as condições sociais são diferentes. A pessoa precisa de serviços diferentes."

O prefeito da cidade de São Paulo, Gilberto Kassab, esteve reunido com o ministro nesta quarta-feira e ressaltou a importância de se integrar políticas públicas do Governo Federal e do governo do estado com o município paulista.

"No momento em que acontece essa integração, nós temos a oportunidade de identificar vazios que existam e que possam ser preenchidos com novos projetos."

O Secretário Estadual de Saúde do Rio de Janeiro, Sérgio Côrtes, também esteve reunido com o ministro e elogiou o plano de enfrentamento.

"Uma colocação que eu fiz ao ministro que nós tenhamos a possibilidade de ter capacitação para os profissionais que lidam com o crack, que é uma deficiência muito grande, não no Brasil, mas no mundo inteiro porque poucos especialistas sabem lidar com o crack."

O reforço das ações prevê ainda a reinserção do usuário na sociedade e a redução de danos provocados pelo consumo de drogas.

Fonte: Reportagem, Alexandre Souza - Ministério da Saúde

« voltar

Notícias Relacionadas

» Veja todas as notícias

Entre em contato

"Um só Coração e uma só Alma pelo Brasil" Logo ADESG ADESG Nacional - +55 (21) 2262-6400
Palácio Duque de Caxias
Praça Duque de Caxias nº 25 - 6º andar - Ala Marcílio Dias
CEP 20221-260 - Rio de Janeiro - RJ